O reflexo de Deus nas pessoas

11 dezembro 20100 comentários


Homem: imagem e semelhança de Deus. O próprio caráter de Deus nas pessoas. O mesmo Deus que projetou o homem e arquitetou o coração. O Deus que formou, que prometeu fazer morada, planejou e edificou ali a sua habitação.
Levamos conosco o caráter de um Deus vivo. Um Deus de amor, de sinceridade, de honestidade, de paz, de humildade. Alguém disposto a agregar valor às pessoas. O Deus que acrescenta, que supre, que busca a alegria de forma incondicional. Esse é o Deus que habita em nós. Somos o reflexo dEle perante o mundo.
Como tem sido nossa vida perante as pessoas? O que temos feito? Quais os nossos frutos? Será que esse Deus está invisível em nós? Será que foi morto por nossas próprias armas? Não temos razão em querer ser donos da situação ou referências aos outros se não conseguimos entender nossas próprias semelhanças. Competimos, julgamos, armamos estratégias egoístas para justificar um “poder” enganoso que é consumido a um simples sopro. Temos um coração disposto a amar e a fazer com que as pessoas sejam melhores. A questão é quando estaremos dispostos a fazer valer esse propósito.
Essa imagem e semelhança, por vezes, é trocada por inveja, soberba, auto-suficiência e, no fim da vida, as pessoas perceberão que nada disso vale a pena.
Desafiemo-nos! Sejamos corajosos para viver a simplicidade. O bem sempre vencerá o mal. Um dia, os interesses egoístas terão um fim. Um dia, a soberba calará e os arrogantes serão uma lembrança dispersa num tempo sem volta. As pessoas carentes sempre baterão em nossas portas procurando roupas novas para velhos homens. Nosso coração estará disposto a dar novos homens para roupas velhas. As pessoas procurarão carinho, estarão carentes, esperarão respostas, correrão atrás de alternativas, procurando em nós o reflexo da habitação de Deus no nosso interior. Não podemos dar aos outros aquilo que não temos. Sejamos adultos para compreender as necessidades. Não precisamos ser os melhores (até porque não somos), porém busquemos em atos e ações justificar o valor do ser humano que há dentro de nossa carcaça. Sem demagogias, sem grandes discursos, sem palavras vãs, mas refletindo o Deus que mora dentro de cada um.
Descobrir, entender e viver: eis aí o grande princípio para as respostas que a ansiedade insiste em questionar essa incompreendida ausência de felicidade nas pessoas. A habitação de Deus na vida reflete o quanto somos vulneráveis à excelência. Cada um de nós é maior do que o que vemos ou pensamos. Para o Senhor, sempre seremos uma possibilidade. Ao invés de levar as coisas da terra para o céu, busquemos as coisas do céu para a nossa existência.
Iremos colher os frutos do espírito. Os frutos da presença do Senhor em nós. “Agora não sou mais eu que vivo, mas Cristo que vive em mim”, disse Paulo, assim serão nossas palavras, será nossa vida, será a misericórdia do Senhor e, consequentemente, a nossa razão de sermos mais que vencedores a cada novo dia que nasce!
Compartilhe :
Comentários
0 Comentários

Postar um comentário

Sua colaboração e participação e FUNDAMENTAL para nosso trabalho!

Não deixe de COMENTAR!

Mas peço a compreensão de TODOS quanto às palavras a serem CITADAS e não utilizar como divulgação de outros Links redirecionando para páginas inadequadas caso contrário será arquivada como SPAM.

Recomendações de Blog's e outras páginas podem ser envidas para nosso e-mail: contato@blogdolucas.com

D'us esteja com você.

 
Copyright © 2012. Blog do Lucas ! - Todos Direitos Reservados
Design Lucas Porto