Homofobia, um esclarecimento necessário

04 abril 201173comentários


A palavra homofobia está na moda. No mundo inteiro discute-se a questão do homossexualismo. Em alguns países já se aprovou a lei do casamento gay. Aqui no Brasil, tramita no congresso um projeto de lei (PL 122/2006), que visa a criminalização daqueles que se posicionarem contra a prática homossexual. O assunto que estava adormecido, em virtude de firme posição evangélica contra o referido projeto de lei, mormente na efervescência da campanha política de 2010, ganhou novo fôlego com a nova proposta da senadora Marta Suplicy (PT-SP), que pleiteia a reclusão de cinco anos, em regime fechado, para quem se posicionar publicamente contra o homossexualismo. Diante desse fato, quero propor algumas reflexões:

Em primeiro lugar, esse projeto de lei fere o mais sagrado dos direitos, que é a liberdade de consciência. Que os homossexuais têm direito garantido por lei de adotarem para si o estilo de vida que quiserem e fazer suas escolhas sexuais, ninguém questiona. O que não é cabível é nos obrigar, por força de lei, concordar com essa prática. Se os homossexuais têm liberdade de fazer suas escolhas, os heterossexuais têm o sagrado direito de pensar diferente, de serem diferentes e de expressarem livremente o seu posicionamento.
Em segundo lugar, esse projeto de lei cria uma classe privilegiada distinta das demais. O respeito ao foro íntimo e à liberdade de consciência é a base de uma sociedade justa enquanto a liberdade de expressão é a base da democracia. Não podemos amordaçar um povo sem produzir um regime totalitário, truculento e opressor. Não podemos impor um comportamento goela abaixo de uma nação nem ameaçar com os rigores da lei aqueles que pensam diferente. Nesse país se fala mal dos políticos, dos empresários, dos trabalhadores, dos religiosos, dos homens e das mulheres e só se criminaliza aqueles que discordam da prática homossexual? Onde está a igualdade de direitos? Onde está o sagrado direito da liberdade de consciência? Onde o preceito da justiça?
Em terceiro lugar, esse projeto de lei degrada os valores morais que devem reger a sociedade. O que estamos assistindo é uma inversão de valores. A questão vigente não é a tolerância ao homossexualismo, mas uma promoção dessa prática. Querem nos convencer de que a prática homossexual deve ser ensinada e adotada como uma opção sexual legítima e moralmente aceitável. Os meios de comunicação, influenciados pelos formadores de opinião dessa vertente, induzem as crianças e adolescentes a se renderem a esse estilo de vida, que diga de passagem, está na contramão dos castiços valores morais, que sempre regeram a família e a sociedade. O homossexualismo não é apenas uma prática condenada pelos preceitos de Deus, mas, também, é o fundo do poço da degradação moral de um povo (Rm 1.18-32).
Em quarto lugar, esse projeto de lei avilta os valores morais que devem reger a família. Deus criou o homem e a mulher (Gn 1.27). Ninguém nasce homossexual. Essa é uma prática aprendida que decorre de uma educação distorcida, de um abuso sofrido ou de uma escolha errada. Assim como ninguém nasce adúltero, de igual forma, ninguém nasce homossexual. Essa é uma escolha deliberada, que se transforma num hábito arraigado e num vício avassalador. Deus instituiu o casamento como uma união legal, legítima e santa entre um homem e uma mulher (Gn 2.24). A relação homossexual é vista na Palavra de Deus como abominação para o Senhor (Lv 18.22). A união homossexual é vista como um erro, uma torpeza, uma paixão infame, algo contrário à natureza (Rm 1.24-28). A Palavra de Deus diz que os homossexuais não herdarão o reino de Deus, a não ser que se arrependam dessa prática (1Co 6.9,10). Porém, aqueles que se convertem a Cristo e são santificados pelo Espírito Santo recebem uma nova mente, uma nova vida e o completo perdão divino (1Co 6.11).
Palavra da Verdade / Blog do Lucas 
Compartilhe :
Comentários
73 Comentários

+ comentários + 73 comentários

5 de abril de 2011 00:07

vc usou politica e religiao num mesmo tsxto realmente espera q as pessoas te levem a sério? estado laico te diz algo?

Anônimo
5 de abril de 2011 00:11

O fato de eu nao querer um filho viado ou sapatonae cria-los para q sejam normais, nem querer que sofram tais influencias, me faz homofobico???

fabricio
5 de abril de 2011 00:26

no 1º - olha, ninguém disse que qualquer pessoa deve concorda com a outra ser homossexual, apenas tolerar, assim como deve-se tolerar outra pessoa que tenha uma religião, um posicionamento político diferente ou uma cor diferente. ele é diferente, concordando ou não, gostando ou não, você deve respeitar e tolerar a existência dele como você gostaria de ser respeitado e tolerado na sua vida.

fabricio
5 de abril de 2011 00:29

no 2º - concordo com a sua opinião. não é necessário criar uma criminalização a cerca do homossexualismo, já é de lei a crime de racismo, estendido a religião e o sexualidade.

Anônimo
5 de abril de 2011 00:30

Ah, eu admito: eu já fui homofóbico mas hoje eu conheço um pouco mais sobre o assunto e mudei de ideia. E negócio é: o cara quer ser viado? Então deixa ele ser viado po! Deixa ele dá a bunda, desde que não faça mal a ninguém a vida é do indivíduo e é isso aí...

fabricio
5 de abril de 2011 00:34

3º e 4º - as leis servem para servir de regras de convívio e punitiva ao caso do dano a outrem. quer dizer, nada a cerca de valores morais, e sim a efeitos danosos. isso de valores morais vem de muito longe do passado, onde poderíamos "lavar a honra com sangue" as leis devem proteger toda a população igualmente, independente de raça, religião e sexualidade, ela serve para proteger a liberdade de poder se posicionar da forma que desejar em sua vida sem a necessidade que ninguém venha jogar na sua cara que ele faz algo "errado" ou "danoso".

Anônimo
5 de abril de 2011 01:05

preconceituoso asqueroso

5 de abril de 2011 01:15

Esta é uma interpretação errônea da lei. O PLC 122/06 na verdade "pune crimes resultantes de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião, procedência nacional, condição de pessoa idosa ou com deficiência, gênero, sexo ou orientação sexual”.

Acho que vale a pena esclarecer um tema tão importante, principalmente para a comunidade LGBT.

Grato,
Fred Dias

Rafael
5 de abril de 2011 01:19

Hoje em dia ta perigando ser crime ser hetero ou se mostrar contrario ao homosexualismo. Olha acho que da quem quer, mas eu num so obrigado a falar que acho normal porque não é. Tenho amigos que são homosexuais e eles entendem quando eu digo que EU (minha opinião) não acho normal. Se tiver um filho vou cria-lo como uma pessoa normal, mas se um dia ele vier a ser homosexual, não ficarei feliz não, continuarei a ama-lo mas não vou estar feliz com a escolha dele e ponto. Enfim ninguem e obrigado a gostar, mas sim a respeitar, porém quando questionado deve ter o direito de dar sua opinião desde que não ofenda ninguem sem o medo de ser crucificado!!!

Anônimo
5 de abril de 2011 01:20

conhece estado Laico ?
Estude um pouco de historia e verá que nem sempre a familia foi do que jeito que você aponta !

Anônimo
5 de abril de 2011 01:26

Não sei como perco meu tempo lendo esse tipo de argumentação. Argumentos? Baseados em que? Num texto que é questionado frequentemente? Por que não vão cuidar dos pequenos (grandes) pecados que vcs cometem e que o seu Deus tem que ficar reparando?

5 de abril de 2011 01:33

Já dizia o inimigo da crença absurda:
“Tolerar a existência do outro e permitir que ele seja diferente ainda é muito pouco. Quando se tolera, apenas se concede, e essa não é uma relação de igualdade, mas de superioridade de um sobre o outro.” [José Saramago]

Não queremos tolerância, queremos ser o que somos e que "nada e ninguém tenha nada a ver com isso". Por isso remeto a http://www.youtube.com/watch?v=x8Imk7B7s1c.
Marcelino Freire e tenho dito.

Sérgio
5 de abril de 2011 01:40

Homosexualidade NAO é escolha e sim uma condição. O indivíduo nasce homosexual, e nao é a criação "normal" que vai fazer dele hetero ou homo.

Anônimo
5 de abril de 2011 02:09

O Estado pode até ser laico, mas se segue a maioria da opinião da população no geral que é Cristã. É Estado laico não estado ATEU !

Hector
5 de abril de 2011 02:21

Queira desculpar mas vc comete um erro crasso ao usar argumentos embasados na sua crença religiosa para debater uma questão política. Lembre-se de que nem todos comungam de suas convicções. Na verdade, a leitura do seu post desperta uma grande dúvida, a saber, quem raios colocou na sua cabeça que vc tem substrato intelectual para informar alguma coisa a quem quer que seja? Vc pode não ser um idiota mas finge que é uma beleza!

Anônimo
5 de abril de 2011 03:07

Ao invés desse bando de imbecis ficarem aqui falando que não é normal ou que um livro cheio de histórias fictícias falou ou deixou de falar sobre o assunto, por que não vão estudar o assunto? Por que não procuram o que a ciência, a psicologia, etc. já descobriram. Nesse país só tem débio mental...

5 de abril de 2011 04:22

Que lixo de Post!!
Espero em Deus que vc consiga um dia compreender que antes da BÍBLIA o homossexualismo ja existia.

E outra, quando alguma lei tem a ver com religião? ou Bíblia? ou algum livro??
As leis tem como objetivo punir e impor regras a uma sociedade, não importa a religião, a cor, a raça ou a opção sexual!

MORRA DE ÓDIO DE MIM!
AUSHAUSHAUSHUASH

E se eu te ver na rua vou fazer questão de da um BEIJO HOMOSSEXUAL beem na sua frente!! e experimenta abrir a boca pra falar alguma coisa!
FIKDICA

Anônimo
5 de abril de 2011 04:29

Em Primeiro Lugar: O direito mais sagrado de um ser humano é o direito a uma vida digna e justa. Nunca ouviu que sua liberdade termina quando começa a do próximo?

Em Segundo Lugar: Não devemos discriminar as pessoas por causa de sua religião ou seu fenotipo, e existem leis para reforçar a mensagem. Então de acordo com seu argumento os religiosos são uma classe privilegiada distinta das demais. O mesmo vale para mulheres, negros, população indígena, pessoas idosas, pessoas portadoras de deficiências...

Em Terceiro Lugar: A intolerância é o fundo do poço da degradação moral de um povo. Mais uma vez, um de vocês vem a público tentar confundir os verdadeiros Cristãos e confundí-los com palavras de ódio. Pessoas como você só servem ao inimigo, fazem papel de falsos profetas e representam a escória do mundo. Não se preocupe, a história lembrará com muito carinho de suas posições, junto com a de nazistas, assassinos em massa e outros desta laia.

Em Quarto Lugar: Ninguém nasce uma ignóbil criatura com coragem de distorcer a verdadeira mensagem de Cristo a fim de fazer o trabalho do inimigo. Alguma coisa aconteceu em sua vida que o tornou esta pessoa aviltante que é hoje. Mas não devemos odiar as pessoas, apenas procurar lembrá-las de qual é o caminho correto. No fundo de seu coração você sabe que está errado. Leia as palavras de Cristo, não se deixe enganar por outros textos, mesmo que tenham sido compilados pelos adoradores do outro em um mesmo livro a fim de distorcer Sua palavra.

5 de abril de 2011 08:40

O 3º e 4º estragaram todo seu argumento, deram munição para contra-argumentar. Toda a lógica que você desenvolveu no 1º e 2º de nada valeram quando você usou conceitos religiosos pra tentar fortalecer =/


Eu ainda não li o projeto de lei, mas se for CRIMES instigados pela homofobia, o projeto é valido. Se for apenas homofobia em geral, dai sim é incostitucional.

5 de abril de 2011 09:14

Putz é incrível como os preconceituosos não param de procurar justificativas para sua ignorância
o homosexualismo ou melhor o homoafetivo não é assim por opção ou pelo meio onde vive
e sim por características genéticas ou seja ele nasceu assim
e se nasceu assim é por que deus permitiu
então abra sua cabeça e deixe de preocupar-se com a vida dos outros e procure saber o por que de sua oposição a uma característica tão normal quanto o heterosexualismo
é dando fim a esse preconceito tão arraigado
que poderemos evoluir de forma mais efetiva em um mundo
onde o que mais preocupa as pessoas são o seu vizinho.
procure saber o que existe dentro de você,
só assim podera encontrar paz e um dia ser um bom pai se por algum acaso um de seus filhos nascer com essa característica.
abraços.

5 de abril de 2011 09:20

"uma opção sexual legítima e moralmente aceitável" esse não é uma opção sexual e sim nascemos assim pois se pudessemos escolher, te garanto que escolheriamos sofrer como sofremos por ser quem somos.("Não podemos amordaçar um povo sem produzir um regime totalitário, truculento e opressor") te garanto que nós homossexuais a anos estamos vivendo em um regime totalitario, truculento e opressor porque não podemos viver como queremos nós não temos liberdade de expressão ai vc vem me falar isso? meu querido se toca né? quem vem sendo vitima de preconceitos aqui são os homossexuais e não os heterossexuais. e outra não queremos que vcs passem as nos amar perdidamente mais sim a nos respeitar porque temos os mesmos direitos que os heteros!

Anônimo
5 de abril de 2011 09:37

Não gosto de vermelho!
Detesto roxo !!
Como fica a MINHA liberdade de expressar isto?
Ou preciso fingir e mentir, sendo "politicamente correto"?
Ou sou OBRIGADO a gostar de roxo?
Na verdade, é pura hipocrisia.
Dentro de casa, a conversa é outra...

Anônimo
5 de abril de 2011 09:47

Só um esclarecimento, dizem que essa lei quer apenas defender que a pratica homossexual seja TOLERADA, mas se não TOLERAREM 5 anos de Cadeia, Tolerancia nesse sentido significa= OBRIGATORIEDADE...
O que entendo por DIREITOS IGUAIS= TODO INDIVIDUO INDEPENDENTE DA SUA RAÇA,CREDO, ORIENTAÇÃO SEXUAL, ORIENTAÇÃO POLITICA DEVE TER SEU DIREITO A LIBERDADE DE EXPRESSÃO, OPINIÃO POLÍTICA, OPÇÃO SEXUAL ASSEGURADO POR LEI, DESDE QUE NÃO SE DESREPEITE O DIREITO DE OUTRO.
Aos homossexuais: vcs tem o direito de reger sua vida de acordo com o que acham correto desde que não usem isso pra passar por cima dos direitos de outros, não se pode falar de luta contra o preconceito, usando o preconceito como arma, o nome disso é HIPOCRISIA.
Aos heteros, RESPEITO é o que um individuo deve ao outro independente de suas diferenças, se a escolha do outro não te agrada, vc tem seu direito de se expressar de forma respeitosa e não violenta.

A Todos, Vivemos num pais cujo as lideranças, roubam, assassinam nossas crianças, violentam nossas mulheres e destroem nosso Futuro e vcs não conseguem VER que o dia que entendermos que o DIREITO DE TODOS deve ser respeitados e fizermos valer isso, não precisaremos de PL 122, Lei Maria da Glória, pq nossos líderes serão o reflexo da nossa atitude!E a IGUALDADE, LIBERDADE e RESPEITO existirão de forma justa e igualitária!
Sem mais.

5 de abril de 2011 09:51

Cara, você só foi coerente enquanto usava argumentos políticos e sociais, referentes aos direitos do cidadão e tudo mais. Agora querer impor a todo mundo a sua visão cristã fanática(citando versículos da bíblia)te fez cair em contradição. Visto que da forma como você mostrou que o governo quer nos induzir a pensar, agir e acreditar de uma forma, você não foi muito diferente do atual papa, que também visava unir religião e política impondo leis fundamentadas em princípios cristãos.
Se realmente esse projeto de lei for aprovado ai sim teremos uma situação preocupante(como você mesmo disse, interfere no direito da livre expressão), mas se alguém quiser tomar alguma atitude a respeito, não vai ser com sermões de igreja que vai conseguir isso.

Anônimo
5 de abril de 2011 09:59

Mais gente como esse menino gosta de falar sobre homossexualidade no blog dele, são varios posts sobre isso.Sei não hein Lucas ta m interessado nesse assunto.....E ninguem escolhe ser homossexual somos pq fomos criados assim.Sou de uma familia maravilhosa e tive uma educação perfeita, meus pais são casados a 25 anos e nunca nem chegaram perto de uma separação.Enfim não vale a pena discutir sobre isso pq as pessoas não sabem o q é ser homossexual e nem querem tentar entender so sabem criticar então......Boa sorte meu querido.

Anônimo
5 de abril de 2011 10:48

post totalmente ignorante

Anônimo
5 de abril de 2011 11:02

A lei não visa obrigar você a GOSTAR do homossexualismo e sim proíbe DISCRIMINAR, ou seja, por exemplo, o que sua igrejinha faz...

Pedro HP
5 de abril de 2011 11:16

Que viagem a sua, hein?! Misturar religião com estado, a história nos ensina que é uma mistura perversa. Perversa como a sua opinião. E como é simplista a sua comparação, falam-se mal de políticos, religiosos (estes com razão), mas você esqueceu de mencionar os NEGROS, NORDESTINOS e etc. Você acha que a pessoa escolhe ser gay? O indivíduo é discriminado pela família, pela sociedade, por TODOS, imagina a desgraça que é a vida deles e eles escolhem esse ''estilo de vida''. É óbvio que NÃO! Da mesma forma que nascem pessoas sem perna, sem braço, sem cérebro (!), com problemas mentais, cardíaco, nascem pessoas com a sexualidade do cérebro diferente de seu próprio corpo. Falta-lhe empatia para com os homossexuais. Você citou um monte de passagem da bíblia, mas esqueceu aquela em que fala que seu Deus ama todos igualmente, sem distinção.

Você expõe muito bem o que pensa, só lhe falta discernimento e sobra fanatismo religioso. Reflita!

Anônimo
5 de abril de 2011 11:37

Quanta bobagem ...

5 de abril de 2011 11:43

Eu sou filho, sou engenheiro, sou gordo, sou inteligente, uso óculos, tenho 1 irmão apenas, meu pai é falecido, minha mãe é diabética, eu curto cachorro mas tenho uma gata. Isso não dá nem 0,001% das características pelas quais alguém pode me classificar. Precisa mesmo me classificar pela minha condição sexual? Só isso é visível e importante em mim? Que saco! Me veja com os mesmo olhos com que você ve os outros, e nada dessa discussão terá o menor sentido... Simples, né?

Anônimo
5 de abril de 2011 11:44

Lucas, mantenha o decoro e respeite o livro sagrado (biblia)! vc envergonha os homossexuais quando n consegue argumentar e parte para a ignorância! e Douglas, nada ainda comprovado cientificamente a existência de uma pre-disposição genética para o homossexualismo! então,até que provem o contrário, é uma escolha pessoal. os homossexuais tem de perceber que por opção, eles são diferentes, são minoria, não seria justo com quem respeita valores morais e até mesmo religiosos uma posição de igualdade com quem não respeita tais valores. os homossexuais escolheram ser diferentes, arquem com as conseqüências de suas escolhas e não tentem transferir a responsabilidade para a maioria da população! tolerância sim, igualdade não!

Anônimo
5 de abril de 2011 11:46

muito bom o texto do blog! vou recomendalo! parabens

Random
5 de abril de 2011 11:56

Ao anônimo ai de cima, não foi provado ciêntificamente ainda que você é inteligente, então até que se prove o contrário você é uma anta.

Anônimo
5 de abril de 2011 12:34

AH PESSOA NASCE GAY... RSRSR ESSA FOI BOA!!!!

Anônimo
5 de abril de 2011 14:12

Onde está o amor e o respeito que vcs tanto pregam?
Oferecer uma palavra de carinho é muito mais digno do que apontar o dedo na cara dos outros.
Antes de querer salvar o mundo do que julga errado, vá cuidar de sua vida!

Bjo me liga!

Anônimo
5 de abril de 2011 14:14

Eu voto e pago os meus impostos. Por que não mereço o mesmo tratamento que vc?

Anônimo
5 de abril de 2011 14:15

Ao invés de perder tempo postanto uma asneira dessas vá fazer o bem ao próximo!

Aperage
5 de abril de 2011 14:23

é verdade... esse texto é a pura realidade... estilo eu que sou racista.. pq eu n posso xingar o pessoal que tem a cor da pele diferente da minha????? ou ateh um pedofilo pq ele n pode ficar com as menininhas dele em paz???? ou ainda pq n posso bater em minha mulher???
as escolhas são suas mas TODOS temos direitos iguais.
¬¬ quanta bobagem em um único blog...
(brinks n sou racista) sou contra todos os tipos de preconceito.
O dono do blog vai arder no marmore do inferno!!!!

Anônimo
5 de abril de 2011 14:26

O cara dizer q Homosexualismo é genético foi tenso...
Quanto a Lei para aqueles q não procuraram saber do que ela se trata, ela puni qualquer pessoa q discordar do assunto de qualquer forma!!!

Exemplo:
Eu to conversando com um amigo e digo pra ele, "Cara eu acho q ngm nasce homosexual, na minha opnião isso é uma escolha" se passa um Homosexual e escuta isso, ele tem o direito de me denunciar e eu ir preso por 5 anos, apenas por discordar da prática dele.
Outra coisa idiota e o mau uso da palavra Preconceito.

preconceito(pre- + conceito) "Ideia ou conceito formado antecipadamente e sem fundamento sério ou imparcial."

Ou seja, se eu deixo ser amigo de uma pessoa q eu ja conheço por que ele(a) decidiu ser homosexual isso n é preconceito, seria na pior das hipóteses discriminação, mas não preconceito.

Homosexualismo NÃO É NATURAL tanto a biblia quanto a ciência dizem isso.
O mapa genético humano já foi todo descoberto e não existe gene Gay, ou é homem ou é mulher, tudo q difere disso genéticamente são anomalias, estudem!

Mas uma coisa, esse papo de nasceu Gay, isso não passa de uma desculpa, é mt mais facil dizer q nasceu Gay e não teve escolha, do q aceitar q sofre de um disturbio mental e tentar mudar.

Anônimo
5 de abril de 2011 14:28

Alguns itens para se pensar:
1- A tua liberdade de expressão acaba onde começa a liberdade dos outros, ou seja, você pode ter toda liberdade, enquanto respeitar as outros. Você não gostaria que alguém chagasse de repente e falasse diversas coisas ofensivas(calúnias, palavrões, etc.) a seu respeito, ou gostaria?
2- O que são valores morais? Os dez mandamentos? Isto é só o que a igreja católica prega como correto, não são valores morais. Valores morais são uma ética de como se comportar em sociedade.
3- Não querem te ensinar a ser ou aceitar a homossexualidade, apenas que respeite o direito dos outros. Também ensinado pela Bíblia que você tanto respeita.
4- Uma pessoa não se torna gay devido a uma prática aprendida que decorre de uma educação distorcida, de um abuso sofrido ou de uma escolha errada. Pode eventualmente acontecer, mas não necessariamente é verdade. Pesquisas apontam que pessoas podem nascer com tendência homossexuais.
5- Se você é homofobo, problema teu. Apenas não utilize citações da Bíblia, que é considerado por muitos um texto sagrado, como argumentação para tua visão do mundo. Aprenda a criar argumentos por si próprio. Apesar de discordar das sua opinião, acho que você fez um bom uso de argumentos na primeira parte, pois na segunda parte em diante é apenas a primeira parte reformulada, com eventuais citações biblicas.

Anônimo
5 de abril de 2011 14:49

Me perdeu quando vi em negrito que você estava usando citações da Bíblia. =D

Anônimo
5 de abril de 2011 14:52

Holy shit Batman, qanta bestera, o cara do blog está certissimo em numero genero e grau....

A psicanalize não chama mais homosexualismo de doença por causa de uma determinação do conselho internacional de psiquiatria, mas é uma neurose que as pessoas desenvolvem em sua vida.
a PL 122 é vai contra a constituição brasileira. a senhora marta suplici ???? fez essa barbaridade só para aparecer e rolar uma palhaçada toda vez que essa merda de lei entra ou todo ano falam dessa idiotice.

Anônimo
5 de abril de 2011 14:56

Gostei muito dos teus comentários.
Legislação e religião devem viver em harmonia.
Além do mais em uma democracia deve prevalecer os interesses da maioria e não a de um pequeno grupo.

5 de abril de 2011 15:10

Você PENSA ter argumentos bons, somente por que sabe escrever bem, muito provavelmente com a ajuda do word ou algo do tipo.. muiuto noobs, seus argumentos, vc não passa de um homofobico sem noção, pagando uma de inteligentão.. seu argumentos são uma bosta..

Anônimo
5 de abril de 2011 16:33

O cérebro humano é um orgão MUITO complexo, os seres humanos não sabem tudo sobre ele, e por isso acho simplesmente ridículo você tentar entender o cérebro de alguém quando você não consegue entender nem o seu.
Algumas pessoas gostam de morango, outras preferem maça, e ninguém não tem nada a ver com o gosto de ninguém, faça o que é a da sua vontade DESDE QUE não prejudique outra pessoa, você pode não gostar de homossexuais e essa lei NÃO VAI proibir isso, mas sua liberdade acaba onde começa a dos outros, e ninguém é obrigado a seguir sua religião, o estado é laico, e NUNCA se deve misturar religião com politíca, e se um presidente judeu fosse eleito e quisesse impor a religião judáica?
As pessoas tem o direito de fazer o que quiser desde que não seja contra a lei (DOS HOMENS), e não cabe a nenhum ser humano julgar outra, segundo sua religião Deus é o ÚNICO que tem esse direito, mas é claro, a maioria dos cristões só seguem o que lhes convém...

Anônimo
5 de abril de 2011 16:45

Eu queria saber o que aconteceria se fosse feita uma pesquisa imparcial que dissesse que voce nao nasce homossexual.

nao entendo qual eh o problema em escolher algo, mas parece que esse argumento eh o maior deles "deus me fez assim, nasci assim, nao escolhi ser assim"

e se vc escolheu kal o problema? se vc acha que é tao correto pq tem tanto medo dos outros julgarem vc por isso?

a pessoa que é ética nao precisa da aprovação. ela sabe que esta sendo ética e ponto.

nao tenho nada contra gays, mas esse argumento de que vc nasce gay já deu. inclusiva a maioria dos gays ki EU conheço sentiam SIM atração por mulher ou no caso das lesbicas já sentiram atração se apaixonaram e ficaram com homens... entao nao desce...

enquanto nao houver uma pesquisa imparcial e confiavel nao vai dar pra engolir pq do mesmo jeito que tem pesquisa que diz que vc nasce assim, existem pesquisas que dizem que é uma doença, a questao é: as pessoas escolhem no que acreditar e ponto.

Joe
5 de abril de 2011 17:14

Então quer dizer que os afro-descendentes são "classe privilegiada" no Brasil por causa da lei do racismo?
Repense seus argumentos, pois a mais simplória analogia mostra o quanto são infundados. A parte de argumentos religiosos eu me nego a ler, pois não cabe numa discussão jurídica e, mesmo nos seus termos, moral. Imoral é achar que a sua "opinião moral" atrasada deve impedir a o Estado de punir devida e proporcionalmente a violação de direitos resguardados tanto na Carta Magna, quanto na própria Bíblia, cuja leitura doentia e anti-cristã leva a visões como essa.

Andrezza
5 de abril de 2011 17:37

seu post é simplesmente ridículo, você não é imparcial em nenhuma das informações, além de que este projeto de lei está embasado na punição daqueles que OPRIMEM os homossexuais. Deve-se haver o RESPEITO, isso não significa que os homossexuais querem obrigar alguém a tornar-se homossexual também, acredito que nada é influenciável, a pessoa faz porque quer, afinal até os homossexuais nasceram nas bases de uma família e de uma união heterossexual ( pai e mãe). Se não concorda com a homosexualidade, não faça, ninguém tem nada a ver com sua vida, cada um é dono de si, mas não queira oprimir, ofender, agredir, e muito menos desrespeitá-los. Liberdade de expressão todos temos, não somente você por ter uma opinião que devemos considerá-la correta. Agressões físicas e morais relacionadas a motivos de caráter homofóbico devem ser punidas SIM! Basta ao sofrimento de milhares de pessoas que tem medo de serem quem são de verdade apenas porque a sociedade considera errado. E a propósito, esse argumento da bíblia já está muito passado, leia um pouco na internet a respeito do assunto e se informe direito antes de querer passar a informação em um blog.

5 de abril de 2011 17:59

Se até uma cadela pode ser LAICA porque o país não é?

Brasil, vamos aprender a viver. Se os maus costumes dos outros povos é facilmente repetido aqui, porque o pensamento aberto não é copiado também.

e concordo com o outro comentário: Você mistura política e religião no mesmo post, e quer ser levado a sério?

Eduardo
5 de abril de 2011 18:13

Esse preconceito vem desdo tempo da biblia. Por isso que o povo juga a opcão sexual de cada um, temos que ver quando uma pessoas escolhe qual tipo de sexualidade ela quer seguir ela estara escolhendo por vontade propria não por causa da educação que o pai ou a mae lhe deu, mas sim porque ela escolheu e pronto.

Já esse preconceito infantil que muitos tem sobre o homosexualismo é repugnante pois todos tem seu livro arbitrio.

Esse lance que a biblia fala que os homos não irão ser salvos se acaso não se arrepender de tudo que fez está errado porque uns dos maires pecado está na biblia que é o PRECONCEITO, se isso que a biblia diz que não poderão ir para o reino de Deus, já esses que pecão com o preconceito porque Deus levaria? Esses não são pecadores?.

Vlw

Anônimo
5 de abril de 2011 18:40

Ronaldo disse:

Então o cara nasce gay?!?! Cada ANTA comentando aqui...

Adorei o post, vou imprimir copiar e entregar no semáforo.

Anônimo
5 de abril de 2011 19:11

Deus criou o mundo???
o homem e a mulher?? Deixa de ser ridiculo... Ignorancia pura!

Anônimo
5 de abril de 2011 20:05

pobre homem... tenho pena de vcs que pensam assim

Anônimo
5 de abril de 2011 20:18

1° - Você pode expressar sua opinião desde que esta não agrida, menospreze, calunie ou marginalize nenhum grupo ou membro da sociedade. Afinal, seu direito termina onde o do outro começa. Experimente trocar as palavras "homossexuais" e "heterossexuais" por "negros" e "brancos", respectivamente. Como isso soará?

2° - Não há criação de classes privilegiadas, mas sim a garantia do direito primordial à igualdade (já previsto no princípio da isonomia, premissa pétrea do nosso País). E, contrário ao que você afirma, não existe sanções apenas à homofobia, vide as leis: Afonso Arinos, Maria da Penha, a de Liberdade Religiosa...

3° - Certamente, você baseia seus argumentos no livro do cristianismo, a Bíblia. Não discutirei religião, mas só pra constar, o Estado brasileiro é laico, logo não segue religião alguma. Se você quer basear seus preceitos morais na Bíblia, escolha sua, ninguém é obrigado, no entanto, a seguir os mesmo. Já que você segue a Bíblia, siga o seguinte: “Não julgueis e não sereis julgados" Lucas 6 :37-38.

4° - Estude um pouco mais (muito mais, pelo visto) antes de sair falando besteiras. Quando você tiver maturado suas ideias (se isso for possível), voltaremos a conversar.

Paula
5 de abril de 2011 20:35

Com base no seu terceiro e quarto "argumento"...
NINGUÉM nasce religioso, é uma prática aprendida com o tempo. Mesmo assim, você tem e merece ter direito de exercer sua fé, de ser respeitado nisso.

Eu sou homossexual e te respeito, mesmo não gostando de nada que você diz. Não estou simplesmente te "tolerando". Se fosse preciso, lutaria para que todos tivessem direito a culto e religiao, caso isso fosse proibido.

Ter uma opinião não te dá automaticamente o direito de prejudicar a vida de alguém.

Se acredita tanto no amor do seu deus e criador... viva esse amor.

Anônimo
5 de abril de 2011 20:47

Caras, se não pode colocar religião, vamos colocar ciência pura. Mas ciência nua e crua, sem nenhuma bússola moral: homossexuais são inúteis. Sim, porque dentro da evolução, um ser que tem aversão ao sexo oposto não serve pra nada. É uma anomalia, uma disfunção.

Discordem o quanto quiserem, mas isso não muda os fatos. Para a evolução, um homossexual é um erro, uma falha. E só não é passível de correção porque existe uma luta geral para que seja reconhecida como uma forma de amor, e não só uma disfunção sexual. É a famosa "Gaystapo".

Eu discordo que haja um ser humano inútil simplesmente para satisfazer a ciência. Mas discordo também que o post do cara deve ser massacrado porque ele misturou religião. Tem gente que fica alardeando que o homosseexualismo sempre fez parte da cultura humana. Bom, religião também. A religião norteou a maior parte das culturas que existem no mundo, para o bem ou para o mal. Inclusive nossas formas de "moral".

Eu prefiro ser taxado de fanático na minha opção religiosa do que na minha opção sexual. Me torno menos animal e mais humano.

Anônimo
5 de abril de 2011 20:52

Bem, concordei com uma parte. Mas esta lei que esta a ponto de se tornar vigente tem como princípio colocar um fim definitivo às ameaças de agressão verbal, moral e física que estão ocorrendo no tempo decorrente. A lei não está tentando obrigar ninguém a ver o homossexualismo como algo comum ou normal, ou seja, tornar excessão em regra; pelo contrário a lei só está prestes a ser aprovada para existir uma base constitucional, um artigo de lei, para a acusação e condenação dos atos de intolerancia contra os individuos homossexuais sem ser apenas o artigo 5 da constituição (todos são iguais perante a lei). Vivemos em uma sociedade Laica como foi citado anteriormente e os valores religiosos são independentes da constituição, visto que no Brasil existe uma variedade religiosa enorme e isso tornaria as leis ou inflexiveis ou flexiveis demais, por tanto é de acordo geral que as leis sejam baseadas em principios humanos e sociais, baseados na ética e nas necessidades do contexto social e não em moral religiosa. O estado deve servir a todos e não apenas a um tipo especifico, portanto não deve defender apenas os heterossexuais mas dá também aos homossexuais o direito de exercer com dignidade o simples direito de ir e vir sem ser ameaçado por individuos intolerantes, da a eles o direito de igualdade, as leis devem funcionar para heteros e homos.

A mesma sociedade democratica que você usou como explanação no seu texto, não parece democrática no seu ponto de vista e sim ditatorial, seu texto é uma apologia clara a homofobia e intelorencia contra o homossexual. Sou contra o projeto que fala exclusivamente, frizando, o homossexualismo e a intelorencia homofóbica. O projeto deveria se preocupar em criar um artigo de lei contra QUALQUER TIPO DE INTOLERENCIA EXISTENTE, PRINCIPALMENTE CONTRA A MINORIA QUE NÃO CORRESPONDE AOS PADRÕES ATUAIS; deveria ser um projeto que protege os negros, indios, imigrantes, gordos, nanicos, debeis, doenças do genoma etc. Assim poderiamos unir as leis contra preconceitos em uma única lei.

Anônimo
5 de abril de 2011 20:59

intolerância ****

Desculpa escrevi errado no empolgação.

Anônimo
5 de abril de 2011 21:28

sou solomonico se e para liberar a Homossexualidade tambem deve se fazer o mesmo com todas as parafilias.

e não adianta dizer que a Homossexualidade não e uma parafilia que eu estava no conferecia que retirou-a dessa categoria e a maioria dos pressentes eram homosexuais, legislar em causa propria e crime.

Anônimo
5 de abril de 2011 22:47

Respeito porém ñ aceito.
E ñ tem lei no mundo que me faça mudar de idéia(não que seja o conteúdo da discutida em questão).

5 de abril de 2011 23:06

Até tu colocar religião na história, teu post tava sério e imparcial. Lamento. Boa sorte na próxima.

ronalldo
5 de abril de 2011 23:29

não adianta vc falar para um homossexual que ele esta errado,eles nunca vão aceitar isso,agora tera lei para dizer que eles estão certos e se vc não concordar vc sera preso ,isso infelizmente é o mundo de hoje.

fabricio
6 de abril de 2011 00:02

alguns comentários sobre os comentários
não tem como saber se o homossexualismo é de nascimento ou não. mas caso seja considerado que não é de nascimento, o mesmo pode ser afirmado do heterossexualismo. se não existe nenhum gene que diga que a pessoa tem uma opção sexual homoafetiva, o mesmo será dito da heteroafetiva, o que acaba criando um paradoxo religioso, quando Ele disse que o homem foi feito pra mulher.

fabricio
6 de abril de 2011 00:13

quanto a questão da democracia não é o direto da maioria, e sim o direito de TODOS, o melhor para TODOS e não pra uma minoria ou maioria. não existiria democacia se ela fossa aplicada a uma parcela da população (mesmo que a maioria), isso é demagogia. o estado não é afiliado a nenhum tipo de religião, para que nenhuma fique acima das outras. a escolha é feita por uma maioria pois é uma maneia justa, mesmo assim ela deve seguir as normas de um livro chamado CONSTITUIÇÃO (e não biblia sagrada) caso alguma das leis, que são a base de direito de um estado, for quebrada, ela se torna automaticamente nula.

fabricio
6 de abril de 2011 00:22

se consider o homosexualismo uma falha evolutiva, o mesmo pode ser dito de pessoas com problemas de disfunção erétil, ou de esterilade. ainda assim você seria preconceituoso com essa pessoa? voce o humilharia, o expulsaria de seu convivio e olharia com nojo ou desprezo a essa pessoa?

a as pessoas com fisicos e mentais, que normalmente não podem viver sem auxílio de outrem, que tem falha genéticas voce tambem seria preconceituoso com eles?

fabricio
6 de abril de 2011 00:32

a crença de uma pessoa não é como uma opinião... voce não pode simplesmente dizer que alguem está errado ou certo em alguns aspectos, se essa discordancia é vista inclusive entre religiões cristãs que utilizam a mesma bíblia como ponto de apoio, como voce quer "empurrar" a sua visão de certo e errado em alguem que não tem os mesmos preceitos que voce. tente argumentar sobre algo baseado em um livro que o outro não acredita e se tornará uma entediante briga com cada um impondo a sua visão de mundo.
voce não será preso por achar, e dizer que acha que homosexualismo é errado, isso vai contra a constituição, liberdade de opinião.
seria preso no entanto se expusesse um homossexual a uma humilhação pública ao expor seus fatos.

faça sua opinião valer sem expor ninguem ao constrangimento ou a discriminação, assim se manterá dentro da lei e poderá expor sua opinião sem ser preso.

Anônimo
6 de abril de 2011 02:13

viajou! mexer com homossexualidade hj é mexer em vespeiro. pode sapatear, espernear, chorar, polemizar... não adianta mais. os gays já estão no poder!

6 de abril de 2011 02:26

BANDO DE PRECONCEITUOSOS VÃO CUIDAR DA SUAS VIDAS
TODE SACO CHEIO DE HIPOCRITAS QUE NÃO VALEM O QUE COMEM
TENHO PENA DO MUNDO E DE JESUS
QUE QUANDO VIER PRA BUSCAR OS MERECEDORES
NÃO VAI LEVA NEM MEIA DÚZIA
NÃO JULGAR PARA NÃO SER JULGADO LEMBRA
QUEM TEM DEUS NO CORAÇÃO
NÃO TEM TEMPO PARA OBSERVAR O QUE O OUTRO FAZ OU DEIXA DE FAZER
LEMBREM-SE O INFERNO TA CHEIO DE BOAS INTENÇÕES.
O MODERADOR VE SE NÃO ME TIZORA EIN

Anônimo
6 de abril de 2011 13:59

"tratas os iguais como iguais e os desiguais como desiguais" A lei é para todos, mas a partir do momento em que existe um grupo que não está em igualdade cabe ao Estado proporcionar meios para que esse grupo não seja denegrido pelos outros.
Agora me diz você acha que deficientes físicos não tem direito a uma porcentagem de vagas para garantir que eles sejam contratados apesar de sua deficiência?
Você acha que uma mulher deve ser protegida com uma lei para que não seja despedida sumariamente porque ficou grávida?
Você acha correto alguém ofender o outro usando a cor da pele como argumento?
Se a resposta é não, então eu não porque você seria contra incluírem a homofobia ofensiva como uma forma de discriminação. Até porque a Lei não está dizendo que você é obrigado a concordar, ela está dizendo que você não pode sair ofendendo verbalmente e impedindo que demitam uma pessoa pela escolha sexual dela.
Aliás eu acho que a Lei devia incluir outros tipos de preconceitos também.
Ahh o Estado é laico, cabe ao Estado não favorecer uma religião ao formar suas leis.
E fica a pergunta. O que aconteceu mesmo com aquele mandamento sobre amar ao próximo? E com aquele sobre não julgar?

Anônimo
6 de abril de 2011 22:34

Ser homossexual não é ser "inútil". Há mulheres e homens estéreis, e nem por isso são descartáveis. Se o homossexual não nasce homossexual, o heterossexual também não. Se isso é uma escolha, todas as "opções" devem ser respeitadas.

Vocês são muito redundantes. Querem provar isso e aquilo, falam que não aceitam e não sei o que --' Vocês não aceitam porque não foram educados pra aceitar, porque desde cedo principalmente a religião condenou quando interpretou que a biblia condena a homossexualidade (o que pode ser interpretado totalmente diferente). Se essa separação de sexualidade não tivesse sido feita há anos atrás, você veria dois homens de mãos dadas na rua sem o menor problema, sem se sentir "ofendido". Todos nós somos frutos da nossa educação familiar e da nossa "posição" social. Preconceito com negros, mulheres, gays, não tem nada a ver com Deus, e o caralho a quatro. Isso tem a ver com a sociedade. Negro era inferior porque eles queriam que trabalhassem de graça. "Mulher era inferior porque alguem tinha que ficar em casa, cuidando das crianças. Gay é inferior porque não pode ter filho, então não faz diferença na sociedade". Tudo isso é mentira! Essa era de preconceito já foi, e qualquer um que estude sabe que homofobia, racismo, e etc é coisa de gente ignorante, FIM.

Anônimo
9 de abril de 2011 19:14

você é um verdadeiro idiota.

Anônimo
12 de abril de 2011 06:20

o pior é alguém querer defender um ponto de vista utilizando a bíblia....um dos livros de ficção mais mal escritos até hoje....

Postar um comentário

Sua colaboração e participação e FUNDAMENTAL para nosso trabalho!

Não deixe de COMENTAR!

Mas peço a compreensão de TODOS quanto às palavras a serem CITADAS e não utilizar como divulgação de outros Links redirecionando para páginas inadequadas caso contrário será arquivada como SPAM.

Recomendações de Blog's e outras páginas podem ser envidas para nosso e-mail: contato@blogdolucas.com

D'us esteja com você.

 
Copyright © 2012. Blog do Lucas ! - Todos Direitos Reservados
Design Lucas Porto