Pastor teria sido sequestrado devido a barulho de sua igreja

26 julho 20110 comentários


Um pastor relatou à polícia que foisequestrado na noite de quinta-feira e mantido refém por três cerca de três horas. O motivo pode ter sido o barulho da Igreja, segundo seu depoimento.

A Polícia Civil de Paiçandu (a 16 km deMaringá, Paraná) informou que o pastor teria sido abordado por três homens armados e o manteve refém por aproximadamente três horas, de acordo com o Diario.com. Nenhum objeto pessoal foi levado e não foi pedido resgate, fato queintriga a polícia.

De acordo com a vítima, os sequestradores disseram apenas que uma pessoa teria encomendado o trabalho. Também não houve nenhum pedido de resgate e nada foi levado sendo que ele estava com celular, dinheiro e documentos pessoais. Isso tudo é bastante incomum”,destacou o delegado.

Sem ter sofrido agressão, o pastor relatou que foi abordado quando andava na rua, por três homens que estavam em um VW Fusca e que estes estariam armados com facas e um revólver. Ele disse que foi obrigado a entrar no carro e depois de três horas teria sido liberado nas proximidades do Jardim Ouro Verde, onde os policiais o encontraram.

Durante o depoimento o pastor afirmou que foi ameaçado recentemente por um vizinho por causa do barulho da Igreja, em Jardim Itaipu. O pastor chegou a ligar para os fiéis no meio do sequestro dizendo apenas que estava em momento de aflição. Ele disse que não ligou para a polícia por não saber o número.

Polícia duvida

A Polícia Civil de Paiçandu suspeita que o  pastor tenha mentido sobre o seu próprio desaparecimento. Como o pastor confirmou que não sofreu nenhum tipo de agressão a versão do religioso foi considerada estranha.

Segundo o delegado de Paiçandu, Gustavo de Pinho Alves, a versão da vítima apresenta algumas contradições, além do fato de que os investigadores  refizeram o suposto trajeto dos sequestradores acompanhados do pastor e não encontraram indícios que comprovassem que o local apontado por ele tivesse sido usado como cativeiro.

Pinho Alves disse também que durante o período que o pastor garantiu estar sequestrado ele “usou o celular normalmente”, e até “ligou para membros da igreja e disse que estava em um momento de aflição, mas em momento algum falou em sequestro. Quando questionado sobre o porquê de não ter ligado para a polícia, ele respondeu apenas que não sabia o número”.




The Christian Post / SRZD / Blog do Lucas
Compartilhe :
Comentários
0 Comentários

Postar um comentário

Sua colaboração e participação e FUNDAMENTAL para nosso trabalho!

Não deixe de COMENTAR!

Mas peço a compreensão de TODOS quanto às palavras a serem CITADAS e não utilizar como divulgação de outros Links redirecionando para páginas inadequadas caso contrário será arquivada como SPAM.

Recomendações de Blog's e outras páginas podem ser envidas para nosso e-mail: contato@blogdolucas.com

D'us esteja com você.

 
Copyright © 2012. Blog do Lucas ! - Todos Direitos Reservados
Design Lucas Porto